segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Regras




Mandam a garota de saia curtinha vestir uma calça, pra não atrair estuprador. Mandam a outra menina tirar a saia longa, porque "ela não é hippie pra ficar usando isso" - e, de preferência, faça uma escova progressiva, também. Mandam a cheinha emagrecer, e também mandam a mais magrinha "criar corpo, porque quem gosta de osso é cachorro". Mandam a escritora e o músico arranjarem empregos de verdade, mas criticam a doméstica e/ou o pedreiro, por não buscarem algo melhor. Mandam a moça que já tem três filhos fechar a fábrica, mas ai da irmã dela se não quiser ter nenhum. Criticam a mulher que apanha do marido e não se separa dele, mas excomungam a prima dela que não quer se casar nunca. Mandam o roqueiro parar de ouvir "essas músicas do Diabo", mas xingam os funkeiros e pagodeiros de "sem cultura". Olham torto pros homossexuais porque "é antinatural", ainda que essas pessoas queiram apenas o amor (livre), e não a guerra. Chamam o alcóolatra e o drogado de "viciados sem-vergonha", e o atleta abstêmio de maricas e antissocial. Mandam ela namorar, mesmo que ela queira apenas sexo. Mandam ela "sossegar o rabo" quando ela vai a muitas baladas, e depois mandam ela sair e curtir a vida, mesmo que em certos sábados ela tenha vontade apenas de ver um filme e se jogar em uma panela de brigadeiro. Dizem que ela não deve ser igual a todas as outras, mas ela que não se atreva a aparecer de cabelo azul. Dizem que ele tem que guardar dinheiro, mas ai dele se bancar o mão de vaca e não pagar uma rodada. Dizem que o importante é o caráter e a competência, mas não contratam ninguém tatuado ou com piercings. Mandam ela ser forte e elogiam a garra dela, mas ninguém percebe (nem se importa) se ela se esconde no banheiro toda hora, pra chorar. Se ela chorar na frente dos outros, é "fraca", "dramática", "fiteira". Se não chorar nunca, é uma megera fria e insensível.

Na boa, vão se foderem, todos vocês. Vão parar com essa mania de cagar regra na vida dos outros.

4 comentários:

  1. belíssimo texto Letícia! É impressionante como a sociedade se contradiz, e teu texto mostra muito bem isso. Curti muito mesmo!
    Zombie Effect

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto, Parabéns!
    Beijocas.

    falaaimaroca.blogspot.com

    ResponderExcluir